Tablet Android e o aproveitamento do multitouch [Opinião]

Os tablets Android de alto desempenho costumam oferecer um multitouch capaz de reconhecer até 10 toques simultâneos, mas mesmo para os tablets mais modestos já é comum encontrar  a capacidade de identificar 4-5 toques. O reconhecimento de toques e o tipo de toque (toque único, duplo, deslizamento, giro) refletem imediatamente na experiência de uso, são parâmetros que exploram a praticidade e agilidade na utilização do tablet.   Porém, acho que os desenvolvedores de apps, de modo geral, estão deixando passar muitas funcionalidades, mesmo na utilização de apenas dois pontos de touch. Explico.

Ainda que se utilize no máximo dois pontos de contato, são muitos os movimentos possíveis:
– 1 ponto de toque sendo acionado 1 vez ;
– 1 ponto de toque acionado 2 vezes (o famoso pinch to zoom);
– 1 ponto de toque sendo deslizado;
– O tradicional 2 pontos pra zoom ( aproximando ou afastando os pontos com o deslizar dos dedos na tela);
– 2 pontos de toque, com 1 fixo e o outro fazendo o compasso;
– 2 pontos de toque sendo deslizados simultaneamente para um mesmo sentido.

Levando em consideração que cada gesto que implique deslizamento pode ser realizado facilmente em 4 sentidos , e que o movimento de compasso pode ser tanto horário quanto anti-horário, mesmo com apenas 2 toques já seria possível para um app identificar mais de 10 entradas diferentes e com isso oferecer mais de 10 funções diferentes.

Pelo que tenho visto , maioria dos apps só usa 2 pontos de toque pra zoom, ou seja, o recurso multitouch acaba sendo subaproveitado. O melhor aproveitamento do multitouch teria impacto imediato na experiência de uso com tablet. Isso seria especialmente interessante nos browsers e aplicativos envolvendo desenho e manuscritos.

Um app que aproveita um pouco melhor isso que falei é o EzPDF Reader. Além dos registros tradicionais , ele reconhece o deslizar de 2 pontos de toque simultâneos quando no modo de anotações. Ou seja, você desenha , faz o seu manuscrito (deslizando 1 ponto de toque ) e pode fazer a rolagem da página em todos os sentidos deslizando 2 pontos de toque.

Já imaginou como isso seria interessante para navegação? Deslizando horizontalmente com um dedo para a direita você simularia a ação “voltar” no browser, deslizando para a esquerda  poderia ser o efeito oposto.  E tem espaço pra mais, deslizando 2 dedos horizontalmente você poderia mudar de aba.  Coloque aí uma animação de “page flip” ( efeito característico da virada de página de um livro) e já pensou  a experiência de uso que essas funções simples implicariam?

Pra não dizer que isso é tudo ficção, o ICS Browser + já oferece alguma coisa nesse sentido. Indo em configurações é possível incorporar movimento envolvendo o deslizar de um dedo horizontalmente para a esquerda e / ou direita. No meu caso, configurei o deslizamento para a esquerda  realizar a mudança para a próxima aba e o deslizamento para a direita mudar para a aba anterior.

Perceba que estamos falando das possibilidades encontradas com apenas dois pontos de contato, sendo que a maioria dos tablets com tela capacitiva já oferecem mais de 4. Se você considera desenvolver apps para tablet Android, pense com carinho sobre o que falei aqui. Talvez o melhor aproveitamento dos registros possíveis com multitouch seja exatamente o diferencial entre um aplicativo mediano para o top 10 da categoria.

Termos Procurados:

    toques para tablet